+ 51 3655 9085
VALE VERDE
Sexta-feira, 14/08/2020
NOTÍCIAS
28.07.2020
Plano de contingência para volta às aulas em Vale Verde é aprovado
Documento que visa implementar medidas de prevenção ao novo coronavírus foi apresentado por todas as escolas nesta terça-feira
Detalhamento e aprovação do plano de contingência para prevenção, monitoramento e controle do novo coronavírus pela equipe diretiva das escolas municipais e estadual, documento este que é necessário 15 dias antes do início das aulas; apresentação disso ao Centro de Operações de Emergências em Saúde para a Educação (COE); e envio para a 6ª Coordenadoria Regional de Educação (CRE). Esses foram os assuntos e ações debatidos nesta terça-feira, 28, no anfiteatro do Centro de Cultura e Biblioteca Pública de Melos, em Vale Verde, entre o prefeito Carlos Gustavo Schuch, secretários de Administração, Educação e Saúde, equipes diretivas e professores das escolas e membros do COE, que inclui servidores da Assistência Social, Educação e Saúde.
Conforme o prefeito Carlos Gustavo Schuch, “as medidas propostas pelas equipes diretivas foram analisadas visando, em primeiro lugar, a saúde das nossas crianças”, destacou. De acordo com a secretária de Educação, Carme Suzana Pacheco, só vão à escola aqueles alunos que têm dificuldades para aprendizagem em casa ou que não tenham acesso à internet. “Os pais não são obrigados a mandar os filhos para as escolas e não há definição concreta sobre a volta às aulas”, explicou Carme Suzana.
Nos planos de contingência há iniciativas que deverão ser tomadas, como: tapete para limpar calçado dos alunos na entrada da escola e das salas; álcool em gel 70% disponível na entrada e nas dependências dos educandários, inclusive com totens com pedal; uso de máscaras para os alunos; professores irão utilizar máscaras normais e as Face Shield; número de alunos depende da bandeira em vigor na região; alimentação somente na sala; fiscalização para uso nas máscaras; higienização dos corredores frequente.
Outra opção proposta na reunião foi dividir as turmas em duas e estabelecer 15 dias de aulas presenciais para uma metade enquanto a outra metade tem aulas em casa. “Evitando assim aglomerações e, mesmo assim, implementando aulas presenciais”, pontou a médica da Unidade Básica de Saúde de Vale Verde, Paula Roberta Kappel.
Jornalista:Guilherme Ubatuba Teixeira
© 2013 Prefeitura Municipal de Vale Verde - Todos os direitos reservados